Data: 04/11/2016

Os 3 melhores tratamentos caseiros para labirintite (com resultados imediatos!)



Labirintite é uma inflamação no interior do ouvido, precisamente na região conhecida como "labirinto".


Esta inflamação é muito desagradável, pois pode comprometer tanto o equilíbrio quanto a audição.

Os principais sintomas são tonturas e vertigens.

Apesar de o problema se manifestar normalmente a partir dos 40 anos, há muita gente que sofre bem antes dessa idade.

E é preciso ficar atento: quem consome bebidas alcoólicas e fuma demasiadamente é um forte candidato a esse mal - além de medicamentos como aspirina.

Café, chocolate e refrigerantes são outros vilões.

Se você já desenvolveu a labirintite, não arrisque consumir nada com cafeína.

A verdade é que quem leva uma vida saudável, longe do estresse e da sobrecarga de atividades físicas, não tem a tendência de sofrer de labirintite.

E o que a medicina natural oferece para combater este mal?

Existem ótimas receitas naturais.

Três dessas receitas vamos ensinar agora:


RECEITA 1



INGREDIENTES

1 folha de louro

1 noz-moscada

1 copo de água

MODO DE PREPARO

Raspe a noz-moscada e a coloque num copo de água fervendo junto com a folha de louro.

Algumas pessoas podem ser sensíveis à noz-moscada.

Então, neste caso, elas devem raspar uma quantidade menor, como meia noz-moscada.

Prosseguindo com a receita:

Tampe o copo e deixe esfriar um pouco.

Faça e beba esse chá três vezes ao dia e pelo tempo de três dias.

RECEITA 2




INGREDIENTES

3 colheres (chá) de erva doce

3 colheres (chá) de alecrim

9 cravos-da-índia sem a cabeça

3 xícaras (chá) de água

MODO DE PREPARO




Ferva a água.

Desligue o fogo e acrescente todos os ingredientes.

Tampe e, quando amornar, tome a primeira xícara.

Durante o dia, beba mais duas xícaras.

RECEITA 3



A terceira dica é um exercício e ele é muito simples.

O primeiro passo é sentar.

Nunca faça este exercício em pé, pois pode sentir tontura.

Enfim, é para fazer sentado.

O próximo passo é encher os pulmões com ar.

Imediatamente, feche a boca e as narinas e faça força para soltar o ar.

Quando não for mais possível segurar o ar, solte-o pela boca e nariz.

Faça o exercício duas vezes por dia.

A leitora que nos ensinou este exercício garante que ele funciona e dá sua explicação: "O exercício desobstrui os minúsculos vasos do labirinto", ou seja, vai melhorar a circulação na região.

Mas atenção: ele é contraindicado para hipertensos, cardiopatas e idosos.?


Via: Cura pela Natureza


Deixe seu comentário